Demanda represada pela pandemia da Covid-19 aumenta a fila para aqueles que desejam visitar os Estados Unidos

De acordo com dados do Consulado dos Estados Unidos no Brasil, a espera para conseguir uma entrevista do visto de turismo americano pode chegar a 321 dias em São Paulo, uma demora de quase 11 meses. A fila também é grande em outras cidades: no Rio de Janeiro pode chegar a 277 dias, em Porto Alegre a 269, em Recife a 179 e em Brasília a 238.

A alta demanda pode ser relacionada à pandemia da Covid-19. De acordo com o advogado de imigração e sócio-fundador da AG Immigration – escritório de consultoria e advocacia imigratória –, Felipe Alexandre, os pedidos atuais se somam àqueles pendentes devido às paralisações da pandemia. Os vistos em processo de emissão atualmente já haviam sido solicitados e não foram concluídos devido ao fechamento dos consulados e da Embaixada, que estava atendendo apenas a pedidos de emergência.

A espera é menor para aqueles que buscam estudar nos EUA. O prazo para a realização da entrevista nesse casos é de 24 dias.

A Embaixada recomenda que aqueles que desejam visitar o país se planejem levando em consideração a espera para a emissão do documento, obrigatório para a entrada nos Estados Unidos. Para aqueles que desejam renovar o visto, a espera é menor.

Aqueles que já possuem um agendamento podem alterar a data sem custo – portanto, vale a pena observar o site da Embaixada americana para o caso de uma data mais próxima ser aberta.

O visto de turismo é o mais solicitado no país, e dá acesso ao território americano durante período limitado e apenas para atividades sem fins lucrativos. Ele não permite que o viajante trabalhe ou passe a morar nos Estados Unidos.